Conexão Repórter
(Divulgação/SBT)

O Conexão Repórter desta segunda-feira (06) traz uma entrevista exclusiva com Frederick Wassef. Diante de Roberto Cabrini, ele responde às mais duras questões em uma entrevista franca de duas horas, gravada nesse domingo, em três diferentes cenários e obedecendo o devido distanciamento.

Wassef se encontra com Cabrini no bairro do Morumbi, em São Paulo, e aceita levar o jornalista à residência-escritório em Atibaia, onde Fabrício Queiroz foi encontrado e preso pela polícia no dia 18 de junho. No caminho, vai revelando as circunstâncias em que abrigava o ex-assessor parlamentar do então deputado estadual Flávio Bolsonaro.

Wassef mostra a agora polêmica propriedade a Cabrini, enquanto explica como permitiu que Queiroz frequentasse pelo menos dois endereços em seu nome, como o próprio Wassef admite na entrevista – além da casa em Atibaia, a 60 km da capital paulista, um apartamento no litoral.

Ainda na noite deste domingo, em um hotel de Atibaia, Wassef é entrevistado por Cabrini. Ele fala sobre sua relação com o presidente Jair Bolsonaro, que é esmiuçada em uma conversa com vários momentos de alta temperatura. O jornalista trata também de outras questões delicadas que, por vezes, irritam o advogado, mas trazem revelações e desabafos.

O Conexão Repórter vai ao ar às segundas, 23h45, logo após o Programa do Ratinho, no SBT